Municípios do Noroeste do RJ são atingidos por fortes chuvas - Tribuna NF

Municípios do Noroeste do RJ são atingidos por fortes chuvas

IPTU - Prefeitura de Campos dos Goytacazes

Calor intenso durante o dia e fortes chuvas à noite – este cenário tem sido constante nas cidades do Noroeste Fluminense desde o final de outubro e vem causando estragos.

Na madrugada deste feriado da Proclamação da República, 15 de novembro, municípios como Laje do Muriaé, Miracema e Santo Antônio de Pádua registraram trabalho intenso para as secretarias de Defesa Civil e Obras.

De acordo com o subsecretário de Defesa Civil de Santo Antônio de Pádua, Igor Ramos, foram registradas seis ocorrências entre a noite desta segunda e a manhã desta terça.

“Tivemos quedas de árvores, uma destas no bairro Gabry; deslizamentos de terra, mas sem vítimas. Fizemos a interdição total do desvio provisório que liga os bairros Mirante e Carvalho por o nível do valão do Bonito subiu muito com o último temporal em Paraíso Tobias, localidade de Miracema. Por apresentar ruptura e risco de desmoronamento então fizemos o bloqueio total”, disse.

Moradores do bairro Caixa d’água reclamaram que ficaram sem energia por cerca de 5 horas.

“Com esse calor não dá pra ficar sem luz. Produto na geladeira pode estragar rápido também. Foram mais de 5 horas de ontem pra hoje sem luz”, comentou a dona de casa Maria do Carmo.

A Defesa Civil de Miracema está monitorando o ribeirão Santo Antônio e o córrego Bonito.

“Foram aproximadamente 60 mm de chuva ontem. Teve uma queda de árvore na RJ-200 que prontamente a equipe desobstruiu a pista”, disse o secretário da pasta, Glauco Sá.

Um alerta foi emitido em Laje do Muriaé, de acordo com José Roberto Alves, secretário da Defesa Civil.

“Estimamos que o total de pessoas afetadas seja de 1200, que sofreram diretamente com os efeitos do desastre natural. Foram 176 pessoas desalojadas no relatório da secretaria de Assistência Social. O prefeito, Netinho do Dinésio, foi à Alerj buscar novos recursos e está pedindo para intensificarmos os trabalhos e apoio aos moradores”, pontuou.

Em caso de emergência, a população deve ligar para os números: (22) 99931-2216, da Defesa Civil ou (22) 3829-2273, do Gabinete da Prefeitura.

G1*

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *