Macaé entra na faixa verde de contaminação da Covid-19

Macaé (RJ) entrou na faixa verde de contaminação da Covid-19 e se prepara para iniciar a maior etapa de flexibilização de atividades econômicas e sociais. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (6) pelo prefeito Dr. Aluizio, durante coletiva de imprensa.

De acordo com um levantamento municipal, pela primeira vez desde o início da pandemia, o município encontra-se na fase de menor risco de contágio pelo novo coronavírus.

Com a novidade, segmentos de bares e restaurantes, academias, shopping centers, igrejas e templos religiosos serão incluídos poderão voltar a funcionar.

Para isso, de acordo com a Prefeitura, será realizada testagem, a partir da próxima segunda-feira (10), nos profissionais ligados a esses segmentos. Decretos específicos, uma para cada atividade, devem ser publicados na próxima quarta (12), com o protocolo a ser seguido por cada setor.

Os segmentos, que até então seguem paralisados, devem voltar a funcionar a partir da quinta-feira (13).

“Chegar na faixa verde representa um momento em que a pandemia, teoricamente, não está em ascensão. Hoje a taxa de ocupação de leitos é de 25%, o que é uma dádiva, a taxa de letalidade está abaixo de 2%, e a taxa de contaminação abaixo de 1, marcando 0,93. Alcançamos esses indicadores que são técnicos, claros e objetivos, depois de muitas restrições, sofrimentos e mortes. Todo o cenário de vigilância será mantido de forma intensa, com fiscalização em todos os estabelecimentos, para que possamos nos manter na faixa verde, atendendo a expectativa e a necessidade da sociedade”, destacou Dr. Aluizio.

De acordo com a Prefeitura, a flexibilização das atividades segue o Plano de Retomada, que define o modelo de restrição para cada uma das quatro faixas de risco da Covid-19, elaborado pelo governo municipal e já apresentado ao Ministério Público.

“O que a gente precisa, agora, é da colaboração e conscientização de cada um, principalmente para o uso de máscaras nas ruas. O cuidado nunca é excessivo, a prevenção nunca é equivocada”, salientou o prefeito.

Ainda não há previsão para retomada das atividades educacionais de forma presencial.

Casos da Covid-19

De acordo com o último levantamento municipal, Macaé tem 6.225 casos confirmados da Covid-19, sendo 6.025 pacientes recuperados e 120 óbitos pelo novo coronavírus.

O município adotou a testagem em massa da população e, segundo o prefeito Dr. Aluizio, realizou mais de 20 mil testes, o que representa quase 10% da população macaense.

A testagem em massa foi realizada por meio da atuação de equipes de Saúde em diferentes bairros da cidade e por convocação dos profissionais das atividades já liberadas ao funcionamento.

De acordo com Dr. Aluizio, essa e outras estratégias garantiram a regressão dos índices, para o alcance desta nova etapa.

“Adotamos um conjunto de medidas e todas elas, desde as barreiras sanitárias ao distanciamento social, refletem neste resultado que alcançamos hoje, tendo, acima de tudo, muito empenho de todos, dos profissionais envolvidos que atuam diretamente no enfrentamento do coronavírus, muita resiliência e contribuição de toda a população. Difícil não foi chegar, mas sim, permanecer e, para isso, a responsabilidade de cada um é infinita”, finalizou.

O Centro de Triagem de Macaé funciona 24 horas no antigo Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas. O endereço é Rua Tenente Coronel Amado, 225, no Centro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: