19/06/2024
Política

De olho em aliança para 2024, PT do Rio divulga nota de apoio à permanência de Daniela Carneiro no Turismo

O diretório estadual do Partido dos Trabalhadores do Rio de Janeiro divulgou neste domingo uma nota de apoio à permanência de Danila Carneiro como titular do Ministério do Turismo. A ação tem como pano de fundo uma aliança entre o partido e o grupo político liderado pelo marido da ministra, o prefeito de Belford Roxo Waguinho (Republicanos), para a eleição de 2024.

O texto, assinado pelo presidente do PT no Rio do Janeiro, João Maurício, além de exaltar o trabalho de Daniela à frente da pasta, também afirma que Daniela “é uma parceira da construção política”.

“A Ministra Daniela é uma parceira da construção política em nosso Estado, possui competência e capacidade de construção coletiva, uma parceria importante para a política Fluminense, sua permanência é a consolidação de um Estado do Rio de Janeiro forte e representado na equipe de Ministros do Presidente Lula. Eu, como Presidente do PT-RJ, encaminho esta nota no sentido de solicitarmos ao Presidente Lula a permanência da Ministra, e do fortalecimento do Ministério do Turismo, para que neste sentido seja um importante construtor do desenvolvimento em nosso país”, diz o texto da nota.

João Maurício explica que a decisão de apoiar Daniela se deve ao apoio da ministra a Lula no segundo turno das eleições. Desde então, eles estão conversando para construir uma aliança visando a eleição de 2024.

— Tanto ela quanto o prefeito Waguinho foram muito leais no segundo turno da eleição do Lula. Estamos construindo uma relação para 2024 prioritariamente com todo mundo que teve junto com a gente na última eleição e nisso a Daniela, o Waguinho e todo o grupo dele são muito importantes — adiantou o presidente do diretório estadual.

Nas últimas semanas, a troca do comando do Ministério do Turismo está sendo discutida no Palácio do Planalto. O nome mais cotado para assumir o posto é o do deputado federal deputado Celso Sabino, aliado do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL).

O Globo*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *