12/07/2024
Campos

Centro de Controle Operacional de Campos garante o monitoramento da cidade em tempo real

A Prefeitura de Campos inaugurou na tarde desta quinta-feira (04) o Centro de Controle Operacional (CCO) com funcionamento de 240 câmeras de monitoramento. O novo espaço funciona no interior do Boulevard Shopping. O evento contou com a participação do prefeito Wladimir Garotinho, do presidente do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT), Nelson Godá, do secretário de Ordem Pública, Maxwell de Araújo, além da presença de autoridades municipais e das forças de segurança. Até o final deste mês, as 116 câmeras instaladas nos semáforos inteligentes estarão integradas na operação, totalizando 356 câmeras.

“O Centro de Controle Operacional é um sonho antigo de todas as forças de segurança. Implantamos uma central unificada e mais moderna do interior do Estado do Rio de Janeiro. São câmeras de alta resolução, longo alcance, que farão leituras facial, de placas de carros e detecção de movimentos suspeitos. Teremos 15 posições fixas dividas entre as forças de segurança e todos terão seu login e senha para acesso às imagens. Com este Centro de Controle Operacional, damos um passo gigantesco para uma melhor qualidade de vida da população”, disse o prefeito Wladimir Garotinho, informando que as empresas, instituições, comerciantes e empreendedores poderão espelhar as próprias câmeras de monitoramento no CCO.

Nelson Godá destacou que o CCO irá integrar diversos órgãos de trânsito e de segurança pública para dar uma resposta mais rápida à população. “E com isso garantir mais segurança para toda a cidade. O CCO servirá para dar mais celeridade às ocorrências de trânsito, às investigações policiais, combater as irregularidades, através de um olhar tecnológico e de ponta. No centro estarão atuando 40 agentes em 24 horas”, pontuou.

Maxwell de Araújo informou que a Ordem Pública interagiu com os órgãos de segurança pública quando foi apresentado o projeto. “Este é o maior centro de monitoramento do Norte e Noroeste Fluminense e inserimos estes órgãos para a execução do sistema para que possam cumprir, por exemplo, cumprir mandados de prisão através das câmeras de reconhecimento facial. E com a segurança fortalecida, através do Centro de Controle Operacional, atrai investimentos por meio de grandes empresas e, com isso, gera empregos”, comentou.

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *