Carla Machado: Machadada ainda depende de decisão do TSE

Apesar do parecer da Procuradoria Geral da República ser contra a atual prefeita de São João da Barra Carla Machado, no Resp 0000404-83.2012.6.19.0037, sem qualquer explicação plausível o processo encontra-se concluso com o ministro Og Fernandes desde 13 de fevereiro.

O advogado da prefeita Carla Machado é o renomado causídico Bruno Calfat.

Segundo informações obtidas pelo site, o advogado é como rei Midas, onde bota a mão vira ouro. A prova disso é que ele conseguiu uma liminar no Rio de Janeiro para suspender o acórdão do Tribunal Regional Eleitoral e o processo está paralisado em Brasília sem qualquer solução para o caso.

Não se pode perder de vista que a prefeita Carla Machado, apesar da condenação de inelegibilidade pelo prazo de oito anos pelo TRE, já começa a ensaiar a sua reeleição para 2020 em SJB.

Pelo visto o processo vai ficar paralisado até a perda do seu objeto.

É uma pena que a justiça não tenha a mesma rapidez contra Carla.

Esse processo refere-se à eleição de 2012, embora a lei estabeleça que o prazo máximo para julgamento da Aije é de um ano entre a primeira e a última instancia.

Os processos da eleição de 2016 de Campos já foram todos julgados no TSE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *