Campos recebe ambulâncias e será sede do SAMU da Região Norte Fluminense - Tribuna NF

Campos recebe ambulâncias e será sede do SAMU da Região Norte Fluminense

IPTU - Prefeitura de Campos dos Goytacazes

O investimento em várias áreas é uma marca forte da atual gestão e, no dia em que Campos completa 188 anos de elevação de Vila de São Salvador à categoria de cidade, não podia ser diferente. De presente, o município ganhou nove das 15 ambulâncias que farão parte do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) da Região Norte Fluminense, que está sendo implantado em parceria com o Governo do Estado.

A cerimônia de entrega da frota aconteceu na manhã desta terça-feira (28), na Praça São Salvador, com a presença do prefeito Wladimir Garotinho, do vice-governador Thiago Pampolha, que representou o governador Cláudio Castro, do vice-prefeito Frederico Paes, dos secretários estadual e municipal de Saúde, respectivamente Dr. Luizinho e Paulo Hirano, dentre outras autoridades, além de muitas pessoas que serão beneficiadas pela chegada das ambulâncias.

Os veículos, novos e modernos, fazem parte do projeto “SAMU 100% RJ”, que escolheu Campos como base para a Central de Regulação do serviço na região, composta por oito municípios, entre eles, São Francisco de Itabapoana, São Fidélis, Cardoso Moreira, São João da Barra, que também receberam suas ambulâncias hoje.

A implementação do SAMU em Campos é mais um dos projetos do governo Wladimir Garotinho e Frederico Paes que está saindo do papel. “Esse é um marco histórico porque Campos nunca teve SAMU e as outras cidades também não. Isso já estava no nosso plano de governo. É um instrumento extraordinário para que o socorro chegue mais rápido e vidas possam ser salvas. Esse é o trabalho que a gente tem feito na nossa saúde. Salvar vidas é o que importa”, disse o prefeito Wladimir, que ressaltou a ajuda do secretário de Saúde Paulo Hirano, do presidente da Fundação Municipal de Saúde, Arthur Borges, e toda equipe da saúde, além da parceria com o Governo do Estado, deputados regionais e vereadores.

Pampolha classificou como fundamental a entrega dessas ambulâncias. “Nós não tínhamos o serviço do SAMU em Campos que é a sétima maior cidade do Estado do Rio de Janeiro e, então, é fundamental esse investimento. Estamos entregando nove viaturas, que são UTI Móveis para fazer trabalho, disponibilizando também orçamento financeiro para instalar, na medida que recebermos o projeto, a base fixa do SAMU aqui na cidade. Então, acho que é uma parceria que vem muito de bom grado, a população precisa muito desses investimentos”, destacou.

Para este primeiro ano de funcionamento do serviço, que é tripartite, o governo estadual irá financiar 100% do serviço. “O que estamos fazendo aqui hoje Wladimir é pagar uma dívida histórica e ofertar a todo Norte, Noroeste e Lagos o atendimento que é dado à capital para que os moradores de Campos, quando entrarem no 192, saberem que têm uma ambulância muito bem tripulada por uma equipe SAMU. As ambulâncias vão salvar milhares de vidas na região e esse é nosso compromisso”, disse o secretário estadual de Saúde, Dr. Luizinho.

Federico Paes também falou aos presentes, destacando os avanços na Saúde, inclusive a reabertura e reinauguração de 27 equipamentos da pasta e dos investimentos do Governo do Estado que tem permitido devolver dignidade ao atendimento para a população. “A gente fica muito, muito feliz”, disse o vice-prefeito, pedindo para que as autoridades estaduais continuem olhando para o povo de Campos.

Paulo Hirano destacou que esse é mais um grande avanço para a saúde do município. “Esta é mais uma prova dessa grande sinergia de ações políticas e públicas no sentido de fortalecer na assistência e melhorar a qualidade de vida da nossa população”, disse.

Também presente na cerimônia o presidente da Fundação Municipal de Saúde, Arthur Borges, explicou que essa é a confirmação da implementação do SAMU na região. “Campos já possuiu o 192, plataforma que funciona o Programa Emergência em Casa, mas, na realidade, esse não é o modelo que funciona no mundo todo. Você ter uma Central de Regulação, o grande objetivo é o tempo de resposta para poder atender a população em 20 minutos entre a ligação e a chegada da ambulância”.

Borges informou, ainda, que a base do SAMU da Região Norte Fluminense ficará em Campos, que vai regular o atendimento de São João da Barra, São Francisco e São Fidélis. Já Macaé irá regular Quissamã, Carapebus e Conceição de Macabu. “Temos um ano para montar, qualificar e adequar as bases”, completou.

Dentre as autoridades presentes na cerimônia de entrega da frota estiveram presentes as prefeitas Carla Capucci, de São João da Barra, Francimara Azeredo, de São Francisco de Itabapoana, Geane Vincler, de Cardoso Moreira, a deputada estadual Carla Machado, o secretário de Estado de Habitação, Bruno Dauaire, vice-prefeitos, vereadores, além de secretários e subsecretários de Campos e dos municípios vizinhos.

Secom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *