27/05/2024
Política

Servidores de Campos definem pedido de 15% de reposição salarial

O Sindicato dos Profissionais Servidores Públicos de Campos dos Goytacazes realizou assembleia nessa quarta-feira (12). Foi deliberado o percentual de 15% de reajuste salarial e sendo acompanhado pelo reajuste do auxílio-alimentação e complementação previdenciária. Mais de 300 servidores compareceram e lotaram os dois andares da sede do sindicato.

Presidenta do SIPROSEP, Elaine Leão destacou que há condição do governo atender a proposta dos servidores. “15% ainda é pouco perto dos 46% de defasagem, mas é o percentual que está dentro da lei de responsabilidade fiscal.

Então há condição sim da proposta ser atendida pelo governo. 2023 não será um ano que entrará pra estatística de defasagem salarial, vamos lutar por isso”, afirmou.

O reajuste salarial, aguardado há 7 anos, será fundamental para melhorar as condições de vida dos aposentados e pensionistas. Muitos não conseguem arcar com alimentação, com custos básicos de vida, além dos medicamentos e exames médicos. Outros que tanto serviram ao município nem se quer desfrutarão de seus direitos porque não estão mais em vida.

“Diante de um congelamento salarial desde 2016, com uma inflação que impactou o país e aumentou preços no mercado em geral, a luta dos servidores hoje não é por luxo, é pelo básico. É por condição de pagar as contas e colocar comida na mesa”, completou Elaine.

Fonte: Siprosep

Alerj

Comente