Sérgio Cabral terá de indenizar doméstica que foi usada como ‘laranja’

A 2ª Vara Cível de Maricá intimou por edital o ex-governador Sérgio Cabral para pagar em 15 dias a quantia de R$70.350,41. O valor se refere à indenização por danos morais e honorários advocatícios a que foi condenado na ação vencida pela doméstica Nelma Saraça. Pessoa humilde e sem qualquer ligação com os fatos criminosos desvendados pela Operação Calicute, ela teve os seus dados pessoais usados para cadastramento de um número de telefone celular utilizado por Sérgio Cabral para negociar propina.

Surpreendida com tamanha exposição negativa ao ser inserida como suposta “laranja” de Cabral, Nelma teve sua vida pessoal revirada e acabou perdendo o antigo emprego.

Seg8undo a decisão, não ocorrendo o pagamento voluntário do valor, haverá acréscimo de multa de 10% e de honorários de advogado de 10%, bem como, caso requerido pelo credor, o protesto do título judicial e a inclusão do nome do devedor nos cadastros de inadimplentes.

A informação é do blog do Ancelmo Gois.

Comente

%d blogueiros gostam disto: