25/05/2024
Política

STF manda para prisão domiciliar ‘homem do dinheiro’ do suposto esquema Witzel

José Carlos de Melo, conhecido como o ‘homem do dinheiro’ do governo Witzel, preso em Bangu desde o ano passado será posto em prisão domiciliar, informa do Blog de Lauro Jardim, O Globo.

A decisão acaba de ser tomada por Edson Fachin. O ministro do STF acolheu o pedido do advogado de defesa de Melo, Ary Bergher, que alegou motivos de saúde: Melo foi diagnoticado com Covid há 40 diasd e é cardiopata.

De acordo com Fachin, “considerando o estado de saúde em que se encontra o paciente e a impossibilidade estatal de prestar o atendimento médico necessário, (…) concedo a substituição da prisão preventiva do paciente por prisão domiciliar com monitoramento eletrônico”.

Melo foi alvo da operação Tris in Idem, em 2020, e se entregou à polícia três dias após a ação. A PGR alega que ele seria chefe de um dos três grupos que disputavam poder e vantagens ilícitas dentro do governo e o seu diferencial era sempre possuir dinheiro em espécie para as transações.

Alerj

Comente