26/05/2024
Política

Governo Rafael Diniz paga primeira fatura de R$ 1,4 milhão a empresa da Máfia da Merenda de SP

O governo Rafael Diniz pagou a primeira fatura a empresa envolvida no escândalo da Máfia da Merenda de São Paulo.

21/12/2018 20181030000393 2018OB15646 NUTRIPLUS ALIMENTACAO E TECNOLOGIA LTDA SERV.DE FORNEC.ALIMENTACAO.NF 96847 R$ 1.075.362,40

 21/12/2018 20181030000393 2018OB15647 NUTRIPLUS ALIMENTACAO E TECNOLOGIA LTDA SERV.DE FORNEC.ALIMENTACAO.NF 96846 R$ 379.063,80

A empresa Nutriplus Alimentação e Tecnologia LTDA recebeu, no dia 21 de dezembro de 2018, conforme relatório no portal da transparência, mais de R$ 1,4 milhão dos cofres da prefeitura de Campos dos Goytacazes.

Envolvida nas denúncias do Ministério Público de São Paulo, onde foi deflagrada em maio de 2018 a operação Prato Feito, desdobramento da operação contra a Máfia da Merenda, que alcançou trinta prefeituras daquele estado, a empresa Nutriplus Alimentação e Tecnologia LTDA ganhou um contrato inicial de quase R$ 16 milhões no governo Rafael Diniz na terceirização da merenda.

Segundo as denúncias do Ministério Público Federal, a empresa Nutriplus faz parte de um suposto esquema fraudulento com políticos e lobistas que teriam desviado cerca de R$ 1,6 bilhão de recursos públicos.

Confira a reportagem do Valor Econômico:

Segundo as denúncias “Tais empresas foram alvo de denúncia do Ministério Público Estadual de São Paulo nos autos do I.P. n° 050.07.095123-3 perante à 10ª Vara Criminal de São Paulo em decorrência de investigação que restou conhecida como “Máfia das Merendas”. Consta neste relatório que prefeitos e secretários de Educação eram procurados em épocas de campanhas eleitorais”. Confira à íntegra da matéria:  https://www.valor.com.br/politica/5512727/policia-federal-investiga-mafia-da-merenda

Outro fato interessante é que coincidentemente, a licitação em Campos também ocorreu próximo ao período eleitoral.

Alerj

Comente