Agente penitenciário é morto pela mulher com tiro no peito dentro do condomínio Terra Nova, em Guarus

O agente penitenciário Misael Almeida Carvalho, 44 anos, foi morto pela sua mulher dentro de sua residência no condomínio Terra Nova, localizado na Estrada de Santa Rosa, em Guarus, Campos dos Goytacazes. No momento do crime haviam três filhos menores do casal dentro da casa.

A mulher presa em flagrante alegou legítima defesa. Segundo a polícia, ela contou que durante uma discussão o marido apontou uma arma em sua direção. Ela também alegou que conseguiu apanhar a arma e dar um tiro no peito do agente penitenciário. Mais dois disparos teriam sido efetuados.

Vizinhos chegaram a socorrer Misael, que não resistiu e morreu ao dar entrada no Hospital Ferreira Machado. A mulher foi presa em flagrante.

Matéria em atualização*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *