PRP confirma Anthony Garotinho como candidato ao governo do RJ

O Partido Republicano Progressista (PRP) oficializou, neste domingo (5), durante convenção estadual, o nome de Anthony Garotinho como candidato ao governo do Estado do Rio de Janeiro. A chapa ainda não definiu um nome para concorrer a vice-governador. Para a disputa ao Senado, o PRP terá como candidato Eduardo Lopes do PRB, partido do prefeito Marcelo Crivella.

Durante o encontro deste domingo (3), que lotou a quadra da escola de samba São Clemente, no Centro da capital, o candidato anunciou que, se eleito, pretende focar na reestruturação do setor produtivo do Estado, com incentivos fiscais para áreas que possam gerar emprego.

“Em primeiro lugar nós queremos reestruturar o setor produtivo do Estado, com incentivos fiscais que geram empregos, como eu fiz no setor naval e também no setor metalúrgico. Em segundo lugar, nós vamos investir em ensino técnico e tecnológico para os jovens. O perfil dos empregos está mudando e se não existir qualificação, vão ter postos de trabalho, mas sem gente para trabalhar”, prometeu o candidato a governador.

Garotinho, de 58 anos, tem uma longa trajetória de vida pública. Eleito duas vezes prefeito da cidade de Campos dos Goytacazes, no norte fluminense, em 1988 e 1996, Garotinho também foi governador do Rio entre 1999 e 2002. Após seu mandato, o candidato conseguiu eleger sua mulher, Rosinha Matheus, e foi secretário de segurança pública, nos anos de 2003 e 2004. Nas eleições de 2002, Garotinho foi o terceiro colocado na disputa pela presidência da República. Anthony também foi deputado federal entre 2011 e 2015.

Senado

O PRP também anunciou durante o evento o nome de Eduardo Lopes (PRB) para concorrer a uma cadeira no Senado.

Lopes foi suplente do senador Marcelo Crivella, assumindo o mandato em 2017, quando o pastor se tornou prefeito do Rio de Janeiro. Entre 2007 e 2010, o candidato também exerceu o cargo de deputado federal.

Até o momento, Garotinho conseguiu atrair para a sua aliança os partidos PRB, PROS, Patriota, PTC e PMB.

Com G1*

De sua opinião