Presidente da Câmara, Fábio Ribeiro, recebe representantes do setor produtivo

O presidente da Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes, Fábio Ribeiro (PSD), recebeu na manhã desta sexta-feira (01), representantes do setor produtivo de Campos e o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcelo Mérida. A reunião faz parte dos esforços do Parlamento Inter-Regional, que busca melhorias e desenvolvimento para o Norte e Noroeste Fluminense.

“Nós convidamos as instituições para que nós possamos estarmos juntos na bandeira da luta do Parlamento Inter-Regional, no que se refere à equiparação da alíquota do estado do Rio de Janeiro com do Espírito Santo, já que todos concordam que é desfavorável para nossas cidades”, explicou Fabio Ribeiro.

O presidente da Câmara explicou que também foram abordados outros assuntos relevantes para o município, como a cobrança do IPTU complementar. Os representantes pedem a prorrogação do prazo e Fabio Ribeiro vai dialogar com o Poder Executivo sobre a proposta. “Também foi discutida a criação de um fórum permanente de debates entre as instituições e a Câmara Municipal. O objetivo é ouvir os pleitos do setor produtivo e buscar soluções”, disse.

O presidente da CDL Campos, João Francisco de Souza, foi um dos participantes da reunião. “O Poder Legislativo entendeu essas nossas posições, está receptivo a novos encontros e novas discussões”, afirmou.

A necessidade de diálogo foi destacada pelo presidente da ACIC, Leonardo Castro de Abreu. “Essa discussão sobre o IPTU é muito válida, a gente tem que amenizar a forma de pagamento para que a Prefeitura possa arrecadar em cima de uma Lei que realmente tem que ser cumprida”, ressaltou.

Marcelo Mérida disse que a interação com o setor privado e a classe produtiva é muito importante. “A gente busca soluções, encontra caminhos e dá a velocidade que o município precisa ter. A reunião foi extremamente produtiva, onde todos colocaram sua posição. Pautamos coisas importantes, a questão tributária, a questão do Parlamento Inter-Regional e questões pontuais como o IPTU”, concluiu.

Assista ao vídeo com a fala do presidente da Câmara e dos representantes do setor produtivo:

Comente

%d blogueiros gostam disto: