15/06/2024
Política

Flordelis chegou a contratar pistoleiro para matar o marido, revela delegado

Rio – A polícia não tem dúvidas de que a deputada federal Flordelis (PSD-RJ) planejou toda a execução do marido, o pastor Anderson do Carmo, morto na madrugada de 16 de junho do ano passado. Antes mesmo de Flávio dos Santos Rodrigues, um dos filhos biológicos da evangélica, atirar contra o líder religioso, ela chegou a procurar um pistoleiro para praticar o crime.

“Não nos restam dúvidas de que ela foi a cabeça desse crime. Ela chegou a contratar pistoleiro em outras ocasiões, mas o crime não foi executado. Por fim, a família conseguiu convencer o Flávio”, revelou o delegado Allan Duarte, titular da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI), responsável pelo caso.

 

Comente