25/05/2024
Política

TRF-2 nega habeas corpus a Mario Peixoto, empresário acusado de fraudes na saúde do Rio

O empresário Mário Peixoto teve mais um pedido para sair da prisão negado nesta sexta-feira, 14. O habeas corpus foi negado liminarmente pelo desembargador Abel Gomes, do TRF-2.

Acusado de desviar verbas de organizações sociais da área de saúde por meio de contratos com o governo do Rio, Peixoto está no centro da investigação da Operação Favorito, cujos desdobramentos desaguaram no pedido de impeachment de Wilson Witzel.

Alerj

Comente