Mais uma infidelidade de Marcão Gomes

O presidente da Câmara Municipal de Campos, Marcão Gomes, pode enfrentar mais um processo por infidelidade partidária.

Como já revelamos, Marcão e o prefeito Rafael Diniz são os coordenadores da campanha de Eduardo Paes no interior do estado.

Marcão saiu derrotado nas eleições de outubro, mas ficou na primeira suplência de deputado federal do Partido da República (PR).

Acontece que o partido de Marcão está apoiando o ex-juiz federal Wilson Witzel. Dependendo do resultado das eleições e caso não tenha combinado com a executiva do PR, outro suplente da coligação PR/Podemos pode ingressar com uma ação de infidelidade contra Marcão.

Ouça o áudio de Paes para Marcão na publicação anterior:

Paes envia áudio contando com o apoio do time de Rafael Diniz e Marcão Gomes

Comente

%d blogueiros gostam disto: