Volta do prefeito do prefeito de Itaperuna agora nas mãos do Ministro Toffoli

Encontra-se concluso para decisão o pedido de Suspensão de Liminar nº 1214 requerida pela defesa do prefeito afastado de Itaperuna Dr. Marcus Vinícius.

A defesa do prefeito protocolou o pedido no último dia 6 de maio no Supremo Tribunal Federal.

As decisões do Supremo, em casos assemelhados, sempre foram pela volta dos administradores legitimados pelas urnas.

O prefeito afastado de Itaperuna tem contra si a acusação do Ministério Público do Estado a respeito de irregularidades na contratação da coleta do lixo.

O preço do lixo de Itaperuna é menos de ¼ daquele pago pela prefeita de São João da Barra Carla Machado.

Itaperuna com aproximadamente 108 mil habitantes está pagando R$ 750 mil/mês pela coleta de lixo, enquanto em São João da Barra que tem aproximadamente 28 mil habitantes o lixo recolhido pela União Norte custa a muitos anos R$ 3 milhões/mês.

A qualquer momento Itaperuna terá novidades com a volta do prefeito afastado.

De sua opinião