Último trecho duplicado da BR-101 entre Campos e Macaé é liberado

A concessionária Autopista Fluminense divulgou nesta quinta-feira (25) que já estão liberadas as novas pistas duplicadas do trecho Norte da BR-101 no estado do Rio, de um total de 60,1 quilômetros, que conectam o distrito de Ibitioca (km 84,6), em Campos dos Goytacazes, e o Trevo dos 40 (km 144,7), em Macaé.

A liberação do trecho aconteceu na última sexta-feira (19).

Os 3,3 quilômetros de rodovia que atravessam o distrito de Serrinha, entre o km 118,0 e o km 121,3, no limite entre os municípios de Campos e Conceição de Macabu, ganharam novas pistas, três passarelas de pedestres (km 119,2, km 119,6 e km 120,8) e um retorno em nível provisório no km 118.

Segundo a concessionária, a duplicação dos 60,1 quilômetros entre Campos e Macaé também contempla a entrega de nove passarelas de pedestres, oito trevos em desnível em importantes entroncamentos da rodovia, duas novas pontes – uma sobre o Rio Macabu, no km 123,6, e outra sobre o Rio do Meio, no km 129,8, em Quissamã – o reforço e ampliação das pontes existentes e um posto de pesagem veicular no km 97 norte.

Na região de Ibitioca, a Autopista também destaca a correção de traçado, entre o km 84,6 e o km 89,0, conhecido por ter um relevo acidentado e com curvas sinuosas.

“Essa entrega ratifica o nosso compromisso de apoiar o desenvolvimento da infraestrutura viária em nossa área de concessão, contribuindo com a promoção da segurança”, comentou o diretor-superintendente, Odílio Ferreira.

De acordo com a empresa, o trecho que atravessa as cidades de Campos, Conceição de Macabu, Quissamã, Carapebus e Macaé recebe uma média de cerca de 12 mil veículos por dia.

De sua opinião