Servidores paralisam atividades e se reúnem em ato em frente à Prefeitura de Campos

Foto enviada por whatsapp

Servidores municipais, de diversas categorias, aderiram à paralisação de 24 horas. A suspensão das atividades foi definida na última semana. Um ato está sendo realizado, na manhã desta segunda-feira (6), em frente à sede da Prefeitura de Campos. Quase 100 unidades escolares da rede municipal aderiram, integral ou parcialmente, à paralisação. Os servidores pedem reposição das perdas salariais e melhores condições de trabalho e de infraestrutura.

Na última segunda-feira (29), os servidores municipais rejeitaram a proposta de reajuste de 4,18% em assembleia e protestaram com grito “Fora Rafael” na sede do Sindicato dos Professores e Servidores Públicos Municipais (Siprosep). Durante a sessão, foi aprovada a paralisação. A próxima assembleia está prevista para o dia 8 de maio.

Na terça-feira (30), o Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação de Campos (Sepe) decidiu pela adesão à paralisação, onde também foi definida a rejeição da proposta de reajuste salarial de 4,18% enviada pela Prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: