Sequestro de empreiteiro da Prefeitura de Campos poderá ser deslocado para divisão antissequestro do Rio

Com a nova estrutura administrativa da Polícia Civil no Rio de janeiro o inquérito que apura o sequestro de um empresário do ramo da construção civil na porta da Prefeitura de Campos na última semana poderá ser deslocado para a capital do estado a partir de janeiro de 2019.

O atual delegado que preside o inquérito, Dr. Pedro Emílio, tem demonstrado grande expertise na elucidação desses crimes, o que ficou comprovado com a elucidação de vários sequestros na região de Morro do Coco e as quadrilhas que foram presas tinham integrantes em vários estado da federação.

*Polícia investiga sequestro de empreiteiro em Campos

Todo mundo reconhece a necessidade do sigilo nas investigações do sequestro do empresário, mas do outro lado da história a população precisa conhecer os verdadeiros autores de um crime que não é muito comum no estado do Rio de Janeiro.

A Polícia de Campos e o Ministério Público marcaram um gol de placa esta semana ao levar para a cadeira uma organização criminosa responsável pelo roubo, receptação e desbloqueio de telefones celulares na região.

Agora é aguardar a resolução do sequestro do empresário cujo nome a Polícia guarda em sigilo que deve ser resguardado mediante a conveniência das investigações que, com certeza o portal não tem qualquer intenção de atrapalhar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: