Quatro pessoas são mortas em Campos

Quatro pessoas foram mortas em Campos dos Goytacazes, neste domingo (18). As vítimas foram mortas a pauladas, a facadas e a tiros.

De acordo a PM, o primeiro assassinato aconteceu no bairro Jóquei Club, onde um homem de 57 anos foi morto a pauladas dentro de uma casa na Rua Gastão Viana Sampaio. O corpo foi encontrado pelo sobrinho da vítima. A identidade dele não foi divulgada.

No mesmo bairro, um homem de 47 anos foi morto a facadas. A vítima foi encontrada morta na Rua João Cândido. A identidade do homem também não foi divulgada. O suspeito foi detido com a faca que teria sido usada no crime. Segundo a PM, ele confessou ser culpado na 134ª Delegacia do Centro de Campos.

Sobrinho de vereador foi baleado

No início da noite, um jovem de 22 anos foi assassinado a tiros e a avó dele foi baleada. O caso aconteceu na Rua Amorita Morales, no Parque Presidente Vargas, em Guarus.

As vítimas são a mãe do vereador Cabo Alonsimar (PTC) e o sobrinho dele. A mulher de 70 anos foi atingida no quadril e no pé direito. Ela foi socorrida por moradores para o Hospital Ferreira Machado (HFM).

De acordo com a PM, a vítima informou aos policiais que estava em casa com o neto quando um veículo parou em frente à residência e um ocupante desceu, disparando contra eles. A mulher disse ainda que correu para dentro de casa e o suspeito continuou atirando contra o neto.

O jovem foi atingido no tórax, na orelha, nas pernas, no abdômen, no glúteo e e no quadril. Ele foi socorrido para o Hospital Ferreira Machado, mas morreu na unidade.

Em Guarus, no Parque Santa Rosa, segundo a PM, José Vitor Gomes, de 20 anos, foi morto a tiros. Ele foi socorrido para o Ferreira Machado, mas morreu na unidade. Moradores informaram que dois suspeitos de moto fizeram disparos contra a vítima, que foi atingida no tórax, abdômen, braço e perna direita. Os criminosos fugiram.

Um adolescente de 14 anos foi baleado no Parque Vera Cruz. Familiares da vítima informaram à PM que o jovem estava em um trailer na Rua General Estilac Leal, quando foi surpreendido por dois suspeitos em uma moto.

O jovem foi socorrido e encaminhado para o Hospital Ferreira Machado.

G1*

De sua opinião