Polícia Civil prende padrasto que matou enteado por causa de herança, em Campos

Um homem, identificado pelas iniciais J.P.S., foi preso pela Polícia Civil na terça-feira (10), acusado pelo homicídio do próprio enteado Marcelo Ribeiro da Silva.

Segundo as investigações, o autor teria agido na companhia do irmão da vítima para assassiná-la com diversos disparos de arma de fogo. O crime se deu em meio a controvérsia acerca da destinação de um imóvel fruto de herança.

O caso é investigado pela 146ª DP de Guarus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: