Passado mais de uma semana e não se fala mais no sequestro dentro da secretaria de Obras da Prefeitura

Estranho que passado mais de uma semana, com o silencio e apoio da mídia corporativa, não há qualquer manifestação em relação à cobrança e prisão dos eventuais autores do sequestro do conhecido empresário da construção civil no dia 3 de dezembro.

Acho que devemos cobrar para não cair no esquecimento igual vem ocorrendo com o homicídio em Vila Nova de Campos da ativista política Mônica Gomes, que na época dos fatos dava as cartas no governo Rafael Diniz, os familiares sequer receberam uma moção de pesar da presidência da Câmara Municipal de Campos.

Tanto o sequestro do empresário da secretaria de Obras de Campos quanto o homicídio de Vila Nova tem coisas em comum. O sigilo para não atrapalhar as investigações.

Não se sabe até onde a sociedade de Campos vai conviver engolindo esses sapos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: