Goytacaz e Americano empatam no Aryzão

O Goytacaz recebeu o Americano no Aryzão pela segunda rodada da Seletiva do Campeonato Carioca e empatou por 1 a 1. Os gols do duelo foram marcados por Ernani, para os mandantes, e Romário, para os visitantes. Com o resultado, o Goyta chegou ao seu primeiro ponto, na penúltima colocação, enquanto o Alvinegro foi aos quatro, assumindo a liderança.

Os primeiros 20 minutos de bola rolando no Aryzão não foram de muita qualidade. Muitas falta e cartões tomaram conta do início da partida. Após a parada-técnica, o Goyta voltou melhor e abriu o placar. Aos 24, após bola mal afastada pela defesa, Erick Daltro cruzou na segunda trave e Ernani completou de cabeça para o fundo da rede, abrindo o placar no Clássico.

O Goyta seguiu melhor e ficou com um homem a mais. Aos 26, Admilton fez falta dura em Tenente e foi expulso direto. Na sequência, Edinho recebeu na entrada da área, bateu forte e fez o gol, mas o impedimento já estava marcado.

Quando o primeiro tempo parecia que iria caminhar para o 1 a 0, o Americano empatou. Léo Rosa deixou Michel no chão, chutou forte e Paulo Henrique bateu roupa. No rebote, Romário, de cabeça, empatou para o Cano, dando números finais ao primeiro tempo.
A segunda etapa começou e o Goytacaz teve um homem expulso. Cleiton, que era o último homem da defesa, fez falta em Flamel e recebeu cartão vermelho direto, igualando o número de atletas das equipes novamente. Vinte minutos depois, Adalberto, o outro zagueiro do Goyta, cometeu falta em Romário, recebeu o segundo amarelo e também foi expulso.

Após as duas expulsões e com um homem a menos, o Goytacaz teve as melhores chegadas ao ataque. Primeiro com Erick Daltro pela esquerda, mas não teve sucesso no cruzamento. Na sequência, Douglas Oliveira ficou na cara de Luis Henrique, mas a arbitragem marcou impedimento do camisa 9 alvianil.

A última grande chance veio aos 47. Erick Daltro cobrou falta da entrada da área, Luis Henrique voou e fez a defesa, colando a bola para a lateral, mantendo o placar em 1 a 1.

Fonte: FutRio

De sua opinião