Aliança de Arnaldo Vianna e Picciani para o governo do Estado

Ex-prefeito de Campos dos Goytacazes Arnaldo Vianna descartou o PDT, que já foi o seu partido do coração. Migrou para o MDB em 2016, atendendo ao chamado de Jorge Picciani, ex-presidente da Alerj que está encrencado em prisão domiciliar.

Ainda filiado ao MDB, Arnaldo segue o destino traçado pelo próprio Picciani: agora todo mundo é Eduardo Paes, inclusive ele, conforme demonstra a foto acima. Ainda que esteja privado de liberdade e com tornozeleira eletrônica, Picciani ainda manda e desmanda em seus seguidores. Na campanha de Eduardo Paes será um ator invisível, mas que não deixará de impor total obediência aos seguidores, como fez Cabral com Pezão, inclusive ao próprio Eduardo Paes, que segue livre, leve e solto para disputar o governo do Estado. Mas, para enganar os incautos, filiou-se ao DEM. Contudo, continua um bom discípulo de Cabral e Picciani.

Comente